sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Em algum lugar do passado

Galera querida... Com que prazer estou aqui para agradecer a manifestação de vocês, através dos comentários de nossos últimos posts. Que bom que vocês gostam do MFC! Digo isso, porque a recíproca é altamente verdadeira e se manifesta nessa nossa relação quase que diária, seja aqui no blog ou pelo dial da Fluminense AM 540,as segundas das 21 ás 23 horas, no nosso programa.

Hoje, trarei para vocês mais um quadro da série: "Em algum lugar do passado". Trata-se do seriado "Perdidos no Espaço", que é mais um da extensa galeria de filmes e séries que fazem parte de nossas vidas e, nesse caso, da minha infância. Perto de chegar aos 39 anos( é dia 10 /09, eu assoprarei velinhas!), não me canso de relembrar o que de bom ficou na minha memória desse período tão lúdico do ser humano que é a infância.








Perdidos no Espaço é, para mim, um show a parte! Até porque pode se encaixar tanto no genêro de comédias quanto no de aventuras e ficção científica, na qual a considero um marco na telinha. O charme da série, os roteiros inteligentesa e bem sacados, a contextualização da espionagem na guerra fria e o tom quase que de espanto com a modernidade, fazem um charme todo especial ao produto.






O seriado, produzido pela CBS e que tinha como criador e produtor executivo Irwin Allen, foi ao ar pela primeira vez nos EUA em setembro de 1965, e permaneceu no ar até março de 1968.A história do seriado se passa no futuro, então longíquo, de 1997. O seriado é sobre as aventuras da família Robinson no espaço, a pioneira em colonizar um planeta em alfa centauro, projeto que resolveria o problema da superlotação da terra.Participava também da expedição, além do Professor John Robinson, sua esposa Maureen Robinson, e seus filhos, Judy, Will e Penny, o Major Don West que era o piloto da nave Jupiter 2 (no episódio piloto a nave chama-se Gemini 12).E, um espião estrangeiro infiltrado, que sabota a missão, levando-os a ficarem perdidos no espaço. No entanto, este espião-sabotador acaba preso na nave com a família Robinson. Ele é o Doutor Zachary Smith!

Seu projeto de sabotagem se mostra bem sucedido e a reprogramação do foguete robô é feita, com a orientação para destruir a família Robinson! Porém, no processo ele acaba preso no foguete, após ser traído por seus comparsas( supostamente "soviéticos") e por causa não só de seu excesso de peso, mas de todas as determinações feitas ao robô - de destruição - o foguete, e todos a bordo tornam -se irremediavelmente perdidos e o que antes era a salvação da humanidade, agora se torna uma luta pela própria sobrevivência e de luta da tripulação para encontrar o seu caminho de volta para casa.

A série teve o episódio piloto mais caro da história da televisão e que nunca foi ao ar (cenas do episódio piloto foram reaproveitadas nos primeiros cinco episódios da série). Segundo rumores da época, caso a série não fosse um sucesso, a CBS poderia quebrar pelo dinheiro gasto na produção.Irwin Allen foi um produtor de televisão muito bem sucedido, que emplacou outros sucessos tais como "Terra de Gigantes", "O Túnel do Tempo" e "Viagem ao Fundo do Mar". No entanto, Perdidos no Espaço foi, sem dúvida, seu maior sucesso. Allen aproveitou ainda na sua série, elementos do clássico de seu filme de 1956, o Planeta Proibido, tais como o formato de disco da nave Jupiter 2; e o robô serviçal humanóide, que no filme era chamado de Robby. Como peculiariade, data da série a escrita: participação especial!Tudo porque Jonathan Harris, o Dr Smith, foi convidado de última hora, o orçamento estava "estourado" e não foi feito novo letreiro, apenas inserido o seu nome como sendo para uma "participação especial", que todos nós sabemos que foi bem mais do que isso, já que o celébre Dr. Smith virou uma lenda e talvez, quem sabe, o personagem principal do seriado.

Perdidos no Espaço teve 3 temporadas produzidas. A temporada foi produzida em preto-e-branco. Na temporada a série ganha cores, mas perde bastante em qualidade, deixando de lado o foco na ficção científica, e adotando um tom mais de comédia. Na e última temporada, esse tom de comédia se acentua ainda mais. Pouco antes de se começar a produção da 4ª temporada, a série é cancelada, mesmo apesar de alguns roteiros já estarem escritos e de algumas cenas já terem sido gravadas.O tema musical do seriado ficou a cargo de John Williams, mais tarde consagrado como compositor de sucessos do cinema







É interessante notar que a série foi encerrada não por estar com baixos índices de audiência, mas por medidas de contenção de despesas da CBS, que estava com suas finanças abaladas por outros projetos mal sucedidos. Aqui no Brasil passou na "Tarde de domingo" da Rede Record, na Rede Globo, dentro da TV Globinho, após a "sessão da tarde", depois indo para a TYV Tupi, e com a extinção da emissora, em 1980 foi para a Bandeirantes e na década de 90 voltou a Record, no "manhãs de aventuras" e na RedeTV. Atualmente está no TCM e no FX, na TV por assinatura.








Em 1997 — ano que seria o lançamento da Júpiter 2 — foi produzido o filme; "Perdidos no Espaço" Com participação especial de June Lockhart (Maureen Robinson), que no filme aparece como a diretora da escola (em holograma) e das atrizes Angela Cartwright (Penny Robinson) e Marta Kristen (Judy Robinson), como repórteres.Mark Goddard, o intérprete do piloto Major Don West na TV, aparece no longa do cinema como o general que apresenta Don ao Professor John Robinson. Além disto, contra a vontade da distribuidora internacional, no Brasil, o DVD sai com a dublagem original da série e com o inédito episódio piloto como bônus.


Eu fico por aqui, curtindo um bom DVD, preocupado com a situação dos clubes cariocas na série A e vendo que mesmo em um dia nublado, o ceú para muitos se mostra celeste e na noite se faz estrelado. Nada com um bom queijinho minas e uma oração para São Paulo e Santo André no dia de aniversário do meu clube amadao, o Clube de Regatas Vasco da Gama. O qual visto as cores e tenho prazer de bradar aos quator cantos; "Sou vascaíno e o sentimento não pode parar!" Aos amigos que quiserem- e puderem - me dar o prestígio e a honra de lerem a minha coluna no blog do Jeferson, aqui vai o link :http://www.vascao100ev.blogspot.com/. Bom fds! Beijos do âncora!

21 comentários:

Wilson Hebert disse...

Excelente post, meu caro amigo.

As séries de antigamente, apesar de ter tecnologia inferior quando o assunto é produção televisiva, a meu ver eram superiores as de hoje no quesito criatividade. Quanto mais antiga, mais original era a ideia.

Hoje, dificilmente alguem consegue criar algo completamente novo. A impressão que se dá, é que tudo já foi criado. Todo tipo de história. Todos os gêneros.

*****

E vai aqui os meus parabens ao Vasco da Gama!!!!

Volte logo à primeira divisão meu querido. Os seis pontos em cima de vcs tão fazendo falta pro meu Mengão!!! uahauhauahauhaua

Abração a todos!

Lú Silva disse...

Leo...olha não me recordo de ter assistido o Lost in Space não, viu. Deve ser pq eu vivia na rua brincando com minhas amigas... eu só parava para comer, ir para a escola e dormir. Sempre fui bem agitada!
Mas, pelo que vi parecia bem interessante o programa. Sabe gosto muito deste momento que vcs proporão aqui no blog!!!!

No mais desejo a vc e a galera do MFC um final de semana bem lindo!!!


Bjos

_Vascao_ disse...

Que pena, perdi essa Série e os filmes, gosto de séries antigas ou não e seus filmes sobre o espaço. E sou fanático pelas Séries Jornada nas estrelas desde a Enterprise que foi a última que passou nos EUA até 2005, passando pelo Star Trek original com Capitão Kirk e Spock, depois Anova Geração, Deep Apace Nine, e Voyager. Também curto muito Stargate SG-1 e Atlantis e é claro os filmes que deram origem a estas Séries fantásticas. Sem esquecer do Lost.
Você gosta destas que citei Leandro ou as conhece?
E como faço para adquirir esta do seu post?
Parabéns pela postagem show de bola.
Grande abraço.
Que inveja de você la no Maraca amanha, nessa eu não poderei ir, vo ficar só na frente da TV mesmo.
4 a 0 liderança e recordes quebrados.
Jeferson.

Prof. Mota disse...

Caro,Leandro. bela lembrança, recheada de pitadas de humor, ciência, aventura e sarcasmo. todas as séries de Irwin Allen exploravam o mundo cientifíco de maneira brilhante e voc~e aqui posta muito bem sobre isso. brilhante! Parabéns. Deu até vontade de ver de novo.

Mariana Zuzuca disse...

Menino, essa série eu vi na década de 90 na record e assisti o filme com william hurt no papel do robinson e o Fantástico gary oldfman de dr smith. pena que o filme se perde do meio para a frente. beijos no Jeff! Sds ...Mengo!

José "mengão" Luiz disse...

Rapaz, essa série eu acompanhei via Tv a cabo. Concordo com o Wílson, quando ele diz que a criatividade das séries mais antigas era maior e quando ele diz que o vascop faz falta na série A, pelos nosso seis "certos" pontos! Tosco série B!

Evandro Varella disse...

Leandro,
Que delícia relembrar esse seriado. Não perdia um episódio. Tempos gostosos que ficaram muito marcados na lembrança.
Belo post meu amigo.
Abração e bom fim de semana prá galera da Maldita!

Maldita Futebol Clube disse...

Pois é galera, e no som da play list, o tema de abertura de John Williams. Quem não reparou, escute. Foi um marco na música de cinema e tV, pois foi com uma toada mais dinâmica. E usa e abusa da música orquestrada, considerada fundamental no espaço estelar...rs quanto a o lugar onde compra, Jeferson: dois sites www.livraria saraiva.com.br e www.submarino.com.br, esse bem confiáveis e outro menos conhecido que oferece as temporadas completas:http://www.2001video.com.br/detalhes_produto_extra_dvd.asp?produto=7936. Detalhe: a primeira temporada é P/B. Abraços, e galera flamenguista, o recadop é... pode esperar a sua hora vai chegar! Sempre Vasco!

_Vascao_ disse...

Valeu brother vou adquirir para minha coleção, e como recomendado por tantas pessoas de gabarito, nem quero assistir primeiro a 1º temporada, ja vou comprar algumas de cara.
Abraço, é Vascão ontem, hoje e sempre.
Jeferson

Claudio Henrique disse...

Muito bom o post. Vou seguir seu blog.

Sou do Blog Fanáticos por Futebol.

http://wwwfanaticosporfutebol.blogspot.com/

Gostaria de trocar links? Sempre que passar aqui darei meus pitacos ok?

Abraço

MR disse...

Leandro,
Que delícia realmente, como disse o Vavá, relembrar esse seriado. Não perdia também. Muito legal o post meu amigo.
Abração e bom fim de semana, está de parabens a galera da Maldita!

Vv disse...

Lê,
Good Times ! Good Times ! Eu lembro pouquinho, mas lembro. É que eu gostava mesmo do seriado das PANTERAS :) ! hihihihi ! Adorei saber q seu aniversário está chegando, einh ! Quanto a vinha ...hummm pra me deixar Perdida no Espaço precisa de "no mínimo" uma garrafa ...rs. Aquela ali foi só uma taça na hora do almoço. Eu precisava, infelizmente, voltar pra a Senzala Corporativa ...rs.
Bjs Querido INOMINÁVEL.
Vivi.

Saulo disse...

Muito legal o post, heim.

As séries de antigamente eram maneiros também.

Cαmilα ♥ disse...

Leo, meu bem...
Tão bom relembrar o que passou mas permanece em nós, não é mesmo?
Não cheguei a assistir esta serie, mas penso que deveria ser mesmo boa!
Infelizmente hoje quase não há coisas bacanas assim, a promação da emissoras de televisão me são medo.

Um beijo grande pra tu e um lindo final de semana.

Carol disse...

Ei Leandro!

Gostei de ficar lendo as crônicas e ouvindo som!
Não assisti a série"Perdidos",mas buscarei no Youtube.Curti a reprise de Jornada nas Estrelas...rsrs
Segunda venho assitir a mesa redonda.
O link do Blog é esse:http://lepoeteenfleur.blogspot.com/
Beijos!
Carol Sakurá

Michel Farias disse...

Muito bom, bem que eu queria viver essa época e curtir esses seriados.

Abraço!!

http://ofuteboleoscariocas.blogspot.com/

MEUS PENSAMENTOS disse...

oi padrinho que coincidencia esta semana eu tentava lembrar o nome deste seriado e não conseguia,,,
essa memoria é boa heim?!
padrinho com alguns problemas que tive no blog perdi algumas postagens e no consegui encontrar a sua,mas nestew link achei um selo,desculpe-me deixo-lhe um bjo repleto de saudades!!!!
http://mimolindo.blogspot.com/2009_05_01_archive.html

Paula disse...

Oi, Leandro. Não estou sumida daqui não... É porque os últimos posts estavam mais focados nos times cariocas e aí... Bom, essa série que vcs do MFC fazem é muito legal, é sempre bom relembrar aquilo que nos alegra e diverte!

beijão!

Gremista Fanático disse...

Essa ai é da serie AGF antes do Gremista Fanático nascer, mas deve ser muito maneiro se não não estaria aqui no MFC que é só coisa de bom gosto, rsrsrs, abraço Leandro.

Carlão Azul disse...

Vale a pena sempre visitar essa coluna e relembrar ótimas séries da TV.
Parabéns ao seu Vascão Leandrão pelos 111 anos e pela conquista do maior público de todos os tempos na série B.

Abração, quanto aos reforços que vc falou, não vejo esses nomes com bons olhos, mas vamos aguardar.

Roger disse...

Eu era amarradão nesse seriado, assistia a todos, grande tempo...

Abraço Leandro, mandando bem como sempre.

E abraço também a família vascaína que está de volta e com mais força.

E abraço também para o Jefferson que um dia teve a ingenuidade de criar o post "Rumo ao topo"...troca o título por "Se mantendo na Série A".

Perfeito!! Você esta plugado no Maldita Futebol Clube...Tá na boa, tá na área!!

Esse é um blog feito para rapaziada que curte um rock and roll, é aficcionada por seu time e ama rádio. Se você era fã do Maldita Futebol Clube está no lugar certo. Se você ainda não é fã, a hora é essa: Impasse Livre! Diariamente você nos acha por aqui. È muito bom ter a sua presença conosco. Critique, e participe, pois sua opinião é muito importante. Esse é o espírito do ILFC: Democracia, humor, irreverência. Informação com paixão! Mande e-mails para: impasselivre@yahoo.com.br.
Entre na comunidade do orkut:malditafutebolclube Ouça nosso programa, pela INTERNET, toda quarta-feira, á partir das 2o horas em 1440 AM RJ.