quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Pop Maldita: "O Caô do Vovô"

Foto: Claúdio Salles - Leandro Carvalho, a caráter, e seu"incaível" Vasco na Rádio Pop Goiaba
E bem próximos de completarmos um ano na Rádio Fluminense AM 540, a primeira do seu dial, toda segunda-feira, ás 21 horas, levando sempre essa energia e alto astral, o Maldita Futebol Clube conta um pouco de sua história. Dia 17/12 estaremos fazendo uma ano e como parte dos festejos relembro, aqui nesse post, uma estória do quadro "Caô do Vovô", protagonizado pelo bom amigo, Sr. Antonio Torres. Aliás, a foto acima faz parte do acervo histórico do programa, ainda na rádio Pop Goiaba, quando se chamava Goiaba Esporte Clube e ia ao ar aos sábados das 18 às 20 horas. Mas, aqui falaremos do primeiro ano de Flu - maldita. Foi ao ar dia, 17/12/2007, o quadro "Caô do Vovô", e foi o único apresentado por lá, porque logo depois, por motivos des aúde, Sr. Antonio Torres teve que sair. Tá tudo bem com ele e a estória foi essa:

"Mané e Pezão"

Esta situação aconteceu mesmo e envolveu dois grandes personagens do nosso futebol: Mané Garrincha e João Saldanha. Aconteceu pelos idos da década de 60, na época em que Garrincha estava no auge da carreira e era presença obrigatória em todos os jogos do Botafogo. Sem ele a cota se reduziria pela metade. Pois é, certa vez, num destes amistosos no interior, Saldanha, então técnico do time, era só preocupação. O motivo dos temores do bravo João, era um becão de 1,85m, o lateral que marcaria Mané. Atendia ele,pelo sugestivo apelido de Pezão e, diziam, era daqueles que davam pontapé até na própria sombra... Ciente de que precisava fazer algo para preservar as valiosas canelas de seu craque, Saldanha mandou, então, um mensageiro procurar o truculento zagueiro com um recado: - O homem está a fim de te levar para uns testes no Botafogo. O problema é que você é muito violento e seu João prefere zagueiro clássico, que só joga na bola. Não vá desperdiçar a sua grande chance. Final do jogo, Botafogo 5 x 0, com três gols de Mané Garrincha, um deles passando a bola por entre as pernas de Pezão, que até o dia de sua morte, repetiria nos bares por onde passava: - "Qualquer dia desses, seu João vai me chamar." Jesus chamou primeiro. Coisas do folclore do futebol romântico de outrora.Esse foi mais um Cão do Vovô!Contando,ninguém acredita, mas realmente aconteceu.

4 comentários:

Anderson Cruz disse...

Olá....
Muito boas essas estórias.Elas deixam o futebol mais bonito,com certeza.
Abraço.





http://religiaourbanna.blogspot.com/

Paula disse...

Eu adoro essas histórias, estórias, causos como se diz aqui em Minas! Sou fã do Garrincha, a estrela solitária. E sabia que fui escutar Elza Soares por causa da biografia dele?

beijão

Serena Flor disse...

Passando pra deixar um oi e um beijo!
Aqui o futebol tem outra cara...é mais divertido!rsrs

Lilian Devlin disse...

Poxa, legal demais! Só não deveria chamar de "Caô" já que pelo visto aconteceu mesmo, né?!rs
Bjs procês meus queridões!

Perfeito!! Você esta plugado no Maldita Futebol Clube...Tá na boa, tá na área!!

Esse é um blog feito para rapaziada que curte um rock and roll, é aficcionada por seu time e ama rádio. Se você era fã do Maldita Futebol Clube está no lugar certo. Se você ainda não é fã, a hora é essa: Impasse Livre! Diariamente você nos acha por aqui. È muito bom ter a sua presença conosco. Critique, e participe, pois sua opinião é muito importante. Esse é o espírito do ILFC: Democracia, humor, irreverência. Informação com paixão! Mande e-mails para: impasselivre@yahoo.com.br.
Entre na comunidade do orkut:malditafutebolclube Ouça nosso programa, pela INTERNET, toda quarta-feira, á partir das 2o horas em 1440 AM RJ.